Corpo Docente

Adelson Paulo de Araújo

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Nutrição Mineral de Plantas, Fertilidade do Solo e Ciclagem de Nutrientes, Análise de crescimento vegetal, Fixação biológica de nitrogênio em leguminosas de grão


Antonio Carlos de Souza Abboud

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Adubação verde, Microrganismos Solubilizadores de Fosfato, Cultivos em Aléias, Olericultura Orgânica, Tomate Orgânico


Aroldo Ferreira Lopes Machado

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Manejo Integrado de Plantas Daninhas, Tecnologia de aplicação de herbicidas, Manejo Fitotécnico em  Culturas Agronômicas.

 

Linhas de Pesquisa:

Disponibilidade de vagas para orientação em temas relacionados a projeto de pesquisa em Manejo Integrado de Plantas Daninhas em cultivos agrícolas, áreas não agrícolas e florestas plantas com espécies nativas de mata atlântica; Tecnologia de aplicação de herbicidas em áreas agrícolas e não agrícolas e Manejo Fitotécnico na cultura do milho.


Bruna Rafaela da Silva Menezes

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação: Atua principalmente nas áreas de experimentação agronômica, genética biométrica e melhoramento genético de tipos especiais de arroz, milho, aveia, forrageiras e plantas bioenergéticas.


Camila Ferreira de Pinho

E-mail
Currículo Lattes

Área de atuação:

Atua e orienta nos temas relacionados a Fisiologia do Estresse em Plantas, Manejo de Plantas Daninhas, Resistência de Plantas Daninhas a Herbicidas e Dinâmica de Pesticidas no Ambiente. É coordenadora do grupo de pesquisa Plantas Daninhas e Pesticidas no Ambiente (PDPA) – UFRRJ e Pesquisadora do grupo de pesquisa Engenharia e Monitoramento de Biossistemas (EMBIO) – UFRRJ e do grupo Fisiologia e Morfologia Vegetal e Biota Microbiana Associada – UFRJ.

 


Carlos Pimentel

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Fisiologia da produção de plantas cultivadas.

Linhas de pesquisa:

Disponibilidade de vaga para orientação nas seguintes áreas: 1) Ecofisiologia de plantas cultivadas sob estresses abióticos e bióticos, com ênfase nos estresses abióticos de falta de água e de nitrogênio, incluindo os efeitos destes estresses na fixação biológica de leguminosas de grão (feijão comum e caupi). Quanto aos estresses bióticos, nossos estudos visam avaliar o efeito de patógenos de tecidos foliares vivos na fotossíntese destes tecidos. 2) Produtividade versus acúmulo de proteínas de reserva em grãos de feijão caupi. Para ambas as áreas de pesquisa, temos realizados avaliações da atividade fotossintética, potencial de água, potencial de FBN nas leguminosas, área foliar e conteúdo de carboidratos e de proteínas, tanto em folhas quanto em grãos das plantas estudadas, principalmente para as culturas de feijão comum, feijão caupi, milho e milheto.


Daniel Fonseca de Carvalho

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Engenharia de Água e Solo, Otimização do uso da água, Manejo da Irrigação e Erosão Hídrica


Elen de Lima Aguiar Menezes

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Entomologia Agrícola, atuando principalmente nos seguintes temas: manejo agroecológico de pragas, controle biológico conservativo e aumentativo de pragas agrícolas, seletividade de defensivos alternativos a joaninhas predadoras, agricultura orgânica, agroecologia, ecologia e manejo de moscas-das-frutas (Diptera: Tephritidae) no estado do Rio de Janeiro, ecologia, comportamento e controle de cupim em áreas urbanas e rurais no estado do Rio de Janeiro


João Sebastião de Paula Araújo

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Produção vegetal, Defesa Sanitária Vegetal, Diagnose de Enfermidades Vegetais, Propagação de Plantas, Plantas Ornamentais, Floricultura, Arboricultura, Medicinais, Fitobacteriologia, Proteção de Cultivares, Cana-de-açucar, Mandioca e Biocombustíveis.

Linha de pesquisa:

Linha 1 – Manejo agroecológico de doenças de plantas; desenvolvimento de estratégias de manejo a partir de medidas baseadas em métodos culturais, biológicos e/ou físicos;

Linha 2 – Propagação e clonagem de plantas; Técnicas de cultivo in vitro e clonagem de plantas a partir de diferentes métodos de propagação assexual, incluindo estaquia, mergulhia, alporquia, apomixia e enxertia;

Linha 3 – Sistemas de produção associados à microbiolização vegetal: desenvolver protocolos de produção de orquídeas, bromélias, flores, plantas ornamentais e arbóreas associadas ao emprego de bactérias promotoras de crescimento;

Linha 4 – Inovação e empreendedorismo: promover o desenvolvimento de ideias que possam resultar em produtos e processos inovadores para a agricultura e cidades, direcionados a autonomia econômica;

Linha 5 – Clínica vegetal: treinamento em microscopia ótica e eletrônica; técnicas para diagnóstico de doenças e pragas associadas aos vegetais e métodos de controle fitossanitários.


Jorge Jacob Neto

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Fisiologia e Nutrição de Plantas Cultivadas , Traçadores Nucleares


José Guilherme Marinho Guerra

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Agricultura Orgânica, Adubação Verde e Olericultura Orgânica.

Linha de Pesquisa:

Disponibilidade de vaga para orientação em temas relacionados a projetos de pesquisa que tratem de sistema intensivo de produção de hortaliças sob manejo orgânico. Este sistema é constituído de um módulo de 01 hectare com cultivos diversificados de hortaliças, sobretudo folhosas, cujo manejo da fertilização se dá a partir da gestão de bancos de produção in situ de biomassa, da adubação verde com leguminosas fixadoras de nitrogênio atmosférico e do emprego de compostos fermentados obtidos a partir de matérias-primas agroindustriais. Neste módulo é feito o monitoramento de aspectos fitotécnicos e nutricionais de hortaliças, além de levantamentos de dados agroeconômicos. Há também disponibilidade para orientação em temas relacionados ao manejo de plantas de cobertura do solo, adubação verde e adubação orgânica no cultivo de hortaliças em sistemas orgânicos de produção.  A contribuição da adubação verde para a nutrição mineral a partir de estudos envolvendo arranjos espaciais e populacionais em cultivos em sucessão e consorciados. Quanto ao manejo da adubação orgânica, os estudos são direcionados à avaliação da eficiência agronômica de fontes, sobretudo com compostos fermentados, com vistas à ótima nutrição mineral em sistemas orgânicos de produção.

 


José Ivo Baldani

E-mail
Currículo Lattes

Áreas de Atuação:

Genética Molecular e de Microorganismos, Fixação Biológica de Nitrogênio, Endófitos, Bactérias Diazotróficas, Cana -de -açúcar e Outras Gramíneas de Interesse Agrícola.

Linhas  de pesquisa:

Disponibilidade  para orientação nos temas: Interação planta-bactéria diazotrófica– exploração do potencial de aplicação de bactérias diazotróficas associativas e endofíticas com impacto direto na redução na aplicação de fertilizantes químicos nitrogenados em culturas de importância agrícola como a cana-de-açúcar e as  pastagens forrageiras. Envolve a determinação das atividades funcionais das bactérias diazotróficas (produção de fitohormonios e sideroforos, capacidade de solubilizar fosforo inorgânico e zinco e habilidade de degradar celulose) e a identificação taxonômica das estirpes (gene 16S rRNA e genes conservados).  Avaliação do potencial das estirpes em plantas alvos (cana-de-açúcar, arroz, braquiária) em experimentos in vitro, casa-de-vegetação e campo visando o desenvolvimento de um biofertilizante.

Controle de pragas e doenças (Bacillus spp)- uso de bactérias endofíticas do gênero Bacillus com atividades entomopatogênica à broca gigante (Telchin licus lucus) e a broca da cana (Diatreae saccharalis) em  cana-de-açúcar –  seleção de estirpes em bioensaios laboratoriais, casa-de- vegetação e e a campo. Outra vertente refere-se ao uso desses Bacillus no controle biológico de fungos fitopatogênicos em culturas tais como a cana-de-açúcar, milho, soja, feijão e algodão.  Além dos ensaios in vitro, casa-de vegetação e campo, a pesquisa busca identificar os genes responsáveis pela produção dos compostos por análise moleculares.

Análise genômica e proteômica de bactérias: análise de genomas de estirpes com potencial de uso na agricultura por meio de ferramentas de sequenciamento em larga escala e  de bioinformática assim como da análise da expressão diferencial de genes das  bactérias inoculadas em plantas por métodos transcriptômicos e proteômicos.