Estágio

Apesar de ser tema polêmico no meio acadêmico, nas Novas Diretrizes Curriculares para o Curso de Jornalismo (aprovadas em 23 de setembro de 2013 pelo CNE/MEC) determina-se que todos os cursos de Jornalismo do país devem implementar atividades obrigatórias de estágio em suas Matrizes Curriculares. O novo Projeto Pedagógico do Curso (2016)  traz o componente curricular Estágio Supervisionado, que está inserido na matriz como uma Atividade Acadêmica Obrigatória, obedecendo a organização da Rural. Apenas os alunos que estão no 5º período ou que já tenham cumprido 50% da grade curricular podem fazê-lo.

As regras para o funcionamento do estágio obrigatório para o Curso de Jornalismo foram elaboradas de acordo com deliberação específica da Universidade. Baixe as normas aqui.

Para os discentes que seguem a matriz 2013/1, a prática não é obrigatória. Para estes, as horas de estágio podem ser aproveitadas como Atividades Autônomas (antigas atividades complementares).

As oportunidades de estágio são divulgados por e-mail e, também, são ofertadas na Universidade (sem remuneração). Além disso, há um grupo no facebookalimentado por professores e alunos, com divulgação de vagas.

A Comissão de Estágio Supervisionado (2020-2022) é composta por: Alessandra Pinto de Carvalho, Cecília Moreyra de Figueiredo e Sandra Sueli Garcia de Souza

 

Dúvidas frequentes:

Quando fazer?

Embora a matrícula para o Estágio conste no 8º período do curso, podem se matricular os alunos do 5º período em diante. Isto significa que pode fazer o estágio estando no 5º, 6º, 7º ou 8º período. Há abertura de vagas de Estágio para todos os períodos citados.

Em quanto tempo o Estágio é cumprido?

O Estágio Supervisionado Obrigatório é cumprido em 300 horas que são distribuídas ao longo do período. O horário é combinado junto ao local de Estágio e não deve ultrapassar as seis horas diárias, conforme a Lei 11.788 de 25 de setembro de 2008.

Como funciona?

A primeira coisa a ser feita pelo aluno é se matricular no Estágio. Após isso, a Comissão de Estágio marca uma reunião para apresentar as normas de funcionamento do Estágio e orientar em relação aos locais de Estágio e documentação a ser providenciada para ser entregue ao Departamento de Estágio da UFRRJ – Dest.

O Estágio Obrigatório é remunerado?

O Estágio Obrigatório pode ou não ser remunerado. O Estágio que for cumprido nos setores ligados à UFRRJ não podem ser remunerados de acordo com a orientação normativa da Secretaria de Recursos Humanos do Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão. O Estágio que for cumprido fora da UFRRJ pode ser remunerado ou não. Em ambos os casos, é preciso que a empresa tenha convênio junto ao Dest para que o aluno providencie a documentação de Estágio. Para saber se a empresa possui convênio, clique aqui.

Se a empresa não tiver convênio, o que fazer?

Caso a empresa não possua convênio, deve-se procurar a Comissão de Estágio para orientação. Na página do Dest também há orientação.

Se houver matrícula e abandonar o Estágio ou não cumpri-lo, o que acontece?

Funciona como as disciplinas: se o aluno abandonar, não cumprir a carga horária, desistir, etc, ele não será aprovado e o Estágio ficará aberto para ser cumprido posteriormente. Importante: o aluno só encerra o curso e se forma caso tenha cumprido todas as atividades acadêmicas e isso inclui o Estágio.

Como o estagiário é avaliado?

Durante o período de Estágio, o aluno deve entregar dois relatórios: um na metade do período de cumprimento do Estágio e outro, ao final. Nesses relatórios, há descrição de atividades e um texto do supervisor do Estágio constando como o estagiário tem cumprido suas tarefas. Ao final do período das 300 horas, a Comissão de Estágio lança a avaliação ou conceito de aprovação do estagiário.

Quem acompanha o trabalho do estagiário?

O Estagiário é acompanhado por dois profissionais ao longo de suas tarefas: um supervisor e um professor orientador, ambos devem ser jornalistas.