Defesas de TCC – 2020

Discente: Júlia Moreira de Azevedo
Modalidade: Relatório de Estágio/TCC
Data da Defesa: 27 de junho de 2020
Título: Courtyard & Residence Inn by Marriott Rio de Janeiro Barra da Tijuca: incumbências de uma estagiária no setor comercial e um olhar crítico sob seus processos no âmbito de eventos
Orientador: Prof. Me. Osvaldo do Nascimento Veras
Acesse o trabalho na integra:

 

Discente: Myllena Coelho de Mello Vieira
Modalidade: Monografia
Data da Defesa: 02 de julho de 2020
Título: Gestões tarifárias e suas implicações à hotelaria: um estudo de caso da relação OTA HURB com os meios de hospedagem
Resumo: O setor hoteleiro foi um dos mais afetados com a gigantesca expansão da internet desde os anos 1990, fazendo com que seus empreendimentos, a partir disso, encontrassem novas formas de distribuição nesse mundo digital. Dessa forma, os meios de hospedagem se depararam com a necessidade de considerar os canais de distribuição online como canais estratégicos de marketing, venda e de conquista de novos mercados. Para esta tarefa, encontraram nas Agências de Viagens Online (OTA) importantes parceiros para a concretização de reservas e a manutenção de uma gestão de tarifas. Em vista disso, o escopo analítico deste trabalho recai sobre a temática da paridade tarifária, um assunto pertinente na indústria do turismo. Dito isso, o objetivo desse trabalho foi aferir, através de um estudo de caso, o posicionamento da OTA Hurb para com a paridade tarifária, propondo estratégias que impulsionassem suas relações comerciais com os meios de hospedagem. Para tanto, esta pesquisa assumiu uma vertente exploratória descritiva e qualitativa, fazendo o uso de um roteiro de entrevistas semiestruturado como instrumento de avaliação, buscando investigar a percepção dos gestores da OTA Hurb sobre a questão da paridade. Desse modo, os resultados desta pesquisa destacam que a paridade tarifária afeta negativamente as relações comerciais entre hotéis e OTAs, demonstrando também que a gestão tarifária dos meios de hospedagem de pequeno e médio porte não é realizada de maneira proveitosa. Não obstante, o cenário acima ratifica a necessidade de encontrar a melhor estratégia de tarifas para cada empreendimento, visto que existem outros métodos além da aplicação da paridade. Entre estas metodologias, a referida pesquisa destaca a estratégia de ofertar tarifas flexíveis para cada canal, de acordo com seus respectivos potenciais, e se aprofundar nas forças, diferenciais e competências de cada OTA e Wholesaler, buscando extrair o melhor desses canais e consequentemente maximizar sua taxa de ocupação e receita.
Palavras-chave: Distribuição Hoteleira. Gestão de Tarifas. OTA. Paridade Tarifária.
Orientador: Prof. Dr. Rodrigo Amado dos Santos
Acesse o trabalho na integra:

 

Discente: Thayná do Nascimento Freitas
Modalidade: Monografia
Data da Defesa: 02 de julho de 2020
Título: ISO 22.000/2005 em departamentos de alimentos e aebidas: um estudo de caso em um hotel em Dublin, Irlanda
Resumo: A padronização dos serviços na Hotelaria é importante tanto para as organizações desse segmento quanto para os clientes. Nesse sentido, as normas ISO podem promover melhorias nos processos internos de uma organização. Este trabalho teve como objetivo verificar, através de um estudo de caso, se as recomendações da norma ISO 22.000/2005 são aplicadas ao Departamento de Alimentos e Bebidas de um hotel cinco estrelas localizado em Dublin, Irlanda. Para isso, foi aplicado um checklist como instrumento de pesquisa para verificar as atuais condições do Departamento supracitado e analisar se os procedimentos executados são compatíveis com os critérios da norma ISO 22.000/2005. Com os dados obtidos em campo, foi elaborado um plano de ação 5W1H para propor soluções para as não conformidades encontradas. Dentre os 97 itens do checklist, 82 encontravam-se em conformidade, um item não se aplicava e 14 itens foram classificados como “não conforme”. As principais não conformidades encontradas foram referentes ao abastecimento de água, controle de potabilidade e nível de cloro da água, padronização das rotinas de limpeza estabelecida por documentação específica, além da falta de manutenção preventiva de equipamentos. Foi possível concluir que apesar do alto índice de adequação do empreendimento pesquisado com a norma ISO 22.000/2005, é relevante desenvolver estratégias para que o Departamento em questão possa adequar-se totalmente a norma supracitada. A implementação das ações propostas é importante para garantir a qualidade sanitária da Unidade Produtora de Refeição e eficiência dos processos, a fim de evitar riscos de contaminação por agentes físicos, químicos e biológicos.
Palavras-chave: gestão da qualidade, qualidade sanitária, segurança do alimento, 5W1H, checklist, treinamento.
Orientadora: Profa. Dra. Elga Batista da Silva
Acesse o trabalho na integra:

 

Discente: Valdemir Soares
Modalidade: Relatório de Estágio/TCC
Data da Defesa: 17 de agosto de 2020
Título: Relatório de Estágio/TCC – Estágio em A&B – Tulip Inn Hotel Itaguaí, RJ
Resumo: Este trabalho versa sobre o relatório do estágio supervisionado executado na área de Alimentos e Bebidas do Tulip Inn Hotel Itaguaí/RJ. A escolha do empreendimento, dentre outros da região, pauta-se por ser a melhor oferta de hospedagem junto ao seu público alvo de negócios. Tendo neste, uma alta taxa de ocupação no período comercial, possibilitando geração de renda ao empreendimento, fluxo constante de hóspedes e empresas parceiras, oportunizando ao estagiário a aplicação de conhecimentos aprendidos na academia. Desse modo, as atividades de estágio se deram através de atividades internas na cozinha e restaurante do empreendimento, cumprindo a normatização de produção e comercialização do alimento seguro. Ademais, também foi possível compreender as nuances do atendimento técnico, hospitaleiro e acolhedor ofertado aos hóspedes e passantes, além de todas as particularidades envoltas na Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN), destinada aos funcionários e colaboradores. Dessa forma, notou-se que tanto para público interno, quanto para público externo, os serviços de A&B visam a qualidade do alimento, nutricional, sensorial e sanitária. Por conseguinte, considera-se que esta prática de estágio oportunizou um conhecimento impar sobre a gestão dos insumos diários de produção, aquisição de utensílios e/ou equipamentos e sua manutenção, além das atividades laborais da equipe de A&B, que geram alto custo ao empreendimento hoteleiro. A partir disso, o objetivo do estágio foi realizar além das atividades inerentes a função, uma pesquisa exploratória, de cunho qualitativo, para familiarização do objeto investigado. Em específico, a priori, o objetivo desta pesquisa foi estabelecer um contraponto entre a teoria, apreendida no curso, e a prática exercida no Tulip Inn Itaguaí, observando possíveis divergências. Logo, observaram-se situações pontuais de anomalias no restaurante. Apesar disso, ressalta-se que o empreendimento tem práticas de produção e comercialização, de acordo com as legislações pertinentes e atendimento de excelência junto ao hóspede.
Palavras-chave: Alimentos e Bebidas. Estágio Supervisionado. Gestão Hoteleira. Tulip Inn Itaguaí.
Orientador: Prof. Dr. Rodrigo Amado dos Santos
Acesse o trabalho na integra: