Iniciação Científica – informações

Informações sobre programas de iniciação científica

Os professores do departamento de Ciências Econômicas submetem projetos pleiteando bolsas de iniciação científica a  duas instituições (pelo menos): UFRRJ e Faperj. O edital da UFRRJ é lançado uma vez ao ano, normalmente em abril/maio. Na FAPERJ, há pelo menos duas chamadas (editais) ao ano, sendo que de 2019 já está disponível, acesse.

Aguardem a divulgação do edital para 2020.

Quer dizer, a quaisquer dessas instituições, quem solicita quotas de bolsas de iniciação é o professor, o qual sendo contemplado, seleciona aluno(s) que será(ão) bolsistas por pelo menos um (1) ano. A seleção cabe ao professor, isto é, é ele quem define os critérios a partir das exigências dos programas de iniciação científica.

Sobre os programas de iniciação científica (bolsas) da UFRRJ, existem (i)  programas oriundos de convênio entre UFRRJ e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a saber:

  • PIBIC (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica);
  • PIBIT (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Tecnológica e de Inovação);
  • PIBIC-Af (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas).

Esses três programas são voltados para alunos de graduação e objetivam incentivar a formação de novos pesquisadores, privilegiando a participação ativa de bons alunos em projetos de pesquisa com qualidade acadêmica. Nesses programas exige-se que o professor seja doutor e que tenha determinada pontuação em publicações (Planilha de Produção). Nesses três programas, a iniciação científica é remunerada por bolsa.

Na UFRRJ, há ainda o (ii) Programa de Iniciação Científica Voluntária (PICV). Ele tem o mesmo formato, mesmo objetivo e mesma exigência de PIBIC, PIBIT e PIBIC-Af, mas não é remunerado.

No site NAAP/PROPPG, é possível acessar maiores informações, como editais anteriores, informações sobre a RAIC etc. Formulários como termo de compromisso do bolsista, termo de responsabilidade do bolsista voluntário, editais podem ser acessados aqui.

Quanto à FAPERJ, os professores solicitam projeto via sistema FAPERJ. Para bolsa de iniciação científica FAPERJ, há exigências de CR do aluno um pouco maiores do que aquelas do programa institucional da UFRRJ; a duração é de pelo menos um (1) ano. Maiores informações, acesse.

Em todos esses programas, é necessário que o bolsista entregue relatório técnico para receber o certificado. Tanto os programas de iniciação da UFRRJ em que há remuneração quanto o programa de iniciação voluntária e o programa da FAPERJ, pode haver contabilização de horas de atividades complementares, conforme Deliberação CEPE n78 de 5/10/2007 (aqui).

A coordenação do curso sempre divulga a todos os alunos do curso os editais da UFRRJ. A partir deste ano, divulgaremos também os professores contemplados.

Abaixo, os grupos de pesquisa coordenados por professores do Departamento de Ciências Econômicas.

Laboratório de Pesquisa em Desenvolvimento Territorial e Políticas Públicas

Padrões Históricos do Desenvolvimento Econômico da América do Sul

Economia do sistema financeiro e conjuntura econômica

Núcleo de análises regionais, setoriais e políticas públicas